1 de mar de 2010

Com jeito de nova estação

     Hoje é primeiro dia do mês de março e acordei com uma impressão de que a estação do ano havia mudado, pois um ventinho brando e frio balançou a janela me convidando a ficar um pouco mais na cama. O arrastar leve dos galhos do pé de tangerina no telhado traz a lembrança dos tempos de infância, nossa casa rodeada pelo pomar que, nessa época, estava repleto de pássaros brigando pelos abacates madurinhos, ameixas suculentas e peras azedinhas. Como é gratificante relembrar esses tempos em que a única maldade que havia em mim era quebrar os ovos dos passarinhos nos ninhos e arrancar os cabelos da boneca pondo a culpa nas minhas irmãs. Quisera eu ter crescido com tão poucos e pacatos pesos de consciência.
     A caminhada diária me chama e uma dorzinha nas costas (probleminha de coluna e não de idade) faz com que eu volte à realidade, ajuda-me a levantar e a dar um bom dia para a vida.


Um comentário:

gal disse...

Néia só deu p/ ler até aqui...adorei seu blog!!!!!!!!!parabéns!!!!!!!!!! sempre q entrar no orkut estarei aqui tbém nem q seja p/ ler uma página.bjusssssssss