19 de out de 2010

Vale do Sol Noturno

Por uns dias a mídia explorou exaustivamente a clausura e finalmente o resgate dos mineiros no Chile. Agora vemos os programas de humor, que se pautam nos acontecimentos do dia a dia para fazerem suas paródias, aproveitando esse fato para tirar algumas gargalhadas dos telespectadores, sugerindo que aquela mina agora vazia é muito convidativa a deixar lá algumas personalidades, isso não seria má ideia.
Fiquei pensando em tudo isso e confesso que realmente nesse momento de eleição dá vontade mesmo de empurrar algumas figuras buraco abaixo, não esquecendo de um detalhe importantíssimo, fechar a saída. Imaginem se os mineiros já ficaram famosos ao serem tirados de lá, que dirá os políticos, seria a glória eterna, isso não, nem pensar!
Agora devaneando um pouco imaginei que seria muito saudável se todos pudessem contar com um esconderijo para armazenar suas mazelas, decepções, tristezas, cansaços. Isso livraria aqueles que sem culpa alguma pagam pelo stress dos outros.
Vou contar um segredo: eu já tive um “buraco”. No tempo em que fui aprovada no meu primeiro vestibular, saía da minha cidade todos os dias por volta das 18:30 chegando cerca de 40 minutos depois à cidade próxima onde se localizava a faculdade
Havia um trecho da rodovia que me encantava, no verão quando o sol já estava se pondo e a noite se fazendo aparecer, alguns raios avermelhados ainda iluminavam aquele local que aparentava ser um grande caldeirão em meio aos morros. Não poderia deixar de dar um nome apropriado àquele belíssimo lugar e o chamei de “Vale do Sol Noturno”. Visualizar aquele fantástico cenário que só poderia ser uma tela pintada por Deus era uma terapia no fim do dia, principalmente naquele tempo em que eu trabalhava num banco, pairar o olhar naquele lindo lugar era minha forma de desestressar. Ao passar por ali procurava me esvaziar dos sentimentos negativos e uma força propulsora me renovava.
Até hoje quando passo por lá vem à memória os momentos então vividos, nem sei quantas mágoas enterrei naquele vale, certamente os meus problemas e preocupações lá derramados dariam para nivelar aquele terreno.
Não tenho fotos do local, procurei no Google uma imagem que tivesse alguma semelhança, achei essa acima perfeita.
Por isso aconselho que você tenha um lugarzinho qualquer para depositar tudo que o atormenta, flagela, entristece, isso não vai torná-lo famoso, nem irá chamar a atenção de ninguém, mas vai fazer um bem enorme à humanidade!



30 comentários:

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Que lindo esse post. E a descrição desse cantinho que vc gosta.

Realmente, se a gente pudesse ter uma caverna para jogar nosso problemas e os problemas do mundo...ia ser tão bom!

bom dia!

Denise Portes disse...

Néia,
Engraçado ler esse texto, eu me dei conta que eu tenho esse lugar na minha vida. Sempre que a vida me deixa angustiada eu vou para praia. Ando de bicicleta até a pedra do Arpoador, no Rio de Janeiro. Lá eu paro a bicicleta e faço uma oração e tem muita coisa minha entregue naquele local. Eu nunca tinha pensado nisso.
Lindo texto.
Beijos
Denise

Karine disse...

Néia, que lindo!
Fiquei imaginando o lugar.. amo pôr-do-sol e num vale. deve ser mágico :) É a criação de Deus nos acalemando...
Concordo contigo.. às vezes estamos tão estressados que descontamos na primeira pessoa que vemos, mesmo ela não tendo culpa de nada..
Temos sim que ter nossos "buracos" deixar lá nossas decepções, tristezas e confiar que Deus está no controle da nossa vida..
MUito obrigada pelo lindo post..

bjos

Marli Borges disse...

Oiiiiiiiii, Neia,
Que idéia genial: um lugar onde trancafiar nossos fantasmas!!! Adorei esse texto, uma escrita fluente, gostosa. Parabéns.

Eve disse...

Belo texto e reflexão!
Já tive meu lugar assim. Mas, sabe o que aconteceu? construíram um muro e tiraram minha visão. Maldita urbanização. rsrs

Bjs!

Carla Farinazzi disse...

Néia,

Tendo em vista que moro em uma cidade e trabalho em outra, vou deixando os problemas pela estrada... Embora seja perto, apenas 12 quilômetros, serve como "válvula de escape"... vou largando pela estrada e quando chego em casa estou bem melhor.
Estradoterapia.
rsrsrs

Beijo

Carla

Chica disse...

Muito lindo e me senti em casa por aqui...

Esses cantinhos de paz são imprescindíveis em nossas vidas...

Lindo, adorei!

beijos,tudo de bom,chica

Maria Célia disse...

Boa noite, Néia
Muito bacana seu texto, muito bem escrito, com emoção.
Não me lembro de ter tido um cantinho assim, pra chorar minhas mágoas e sonhar um pouquinho.
Bjos

Adelaide disse...

Lendo seu texto posso dizer que o meu não é umlugar em si mais a pessoa que me transformo, se algo me atormenta e saio caminhando, sozinha por horas, em meio a multidão... ah! se não tenho horas disponiveis para isso, eu guardo em um cantinho, mais assim que aparecer um sábado ou qualquer outro dia...lá vou eu. Depois fico com a alma leve pronta para renascer das cinzas.kkk Ou seja o meu lugar é uma forma de desgaste físico em meio a multidão
Grande abraço

Isadora disse...

Néia perfeita a proposta: um buraquinho para depositarmos nossas mazelas.
Acho que antes do bem para os outros faremos um bem imenso a nós mesmos.
Carregamos tantos sentimentos que deveríamos deixar para trás...
Adorei o seu "Vale do Sol Noturno"!
Tem um desafio para você lá no Tantos Caminhos fique à vontade caso não queira aceitar.
Um beijinho

Deusa disse...

kkkkkkkkkkkkk,glória eterna....mas sabe que seria uma ótima idéia...kkkkkk.
Eu tenho um lugarzinho na minha sacada,e na voltinha da parede,do lado da floreira,de frente para a rua,vou pra lá e procuro ficar o maior tempo possivel,sentada naquele chão geladinho,vendo os carros passarem lá em baixo,fico até melhorar(se a Maitê deixar claro).
Bjs
Deusa
vasinhos coloridos

Pelos caminhos da vida. disse...

Essa dos politicos com certeza seria uma excelente idéia, já tinha até pensado nos nomes,rs.

Eu tenho um lugar assim onde no final do dia deixo lá tudo o que me magoou, volto revigorada.

beijooo.

Leci Irene disse...

Não é má idéia! Aliás: excelente idéia! Vou ver se encontro meu "buraco"....
Beijos

welze disse...

precisamos sim, precisamos mesmo ter nosso buraco, onde só a gente saiba a entrada e ninguém saiba da existencia dele. as vezes, ter um lugar desses é a diferença entre estarmos bem ou não.

Nilce disse...

Néia, agradeço seu carinho.
Que texto maravilhoso, menina. Sabe que eu tinha um "buraco" na adolescência e era para os momentos ruins, onde eu falava comigo mesma, reclamava, chorava, me repreendia, repreendia os outros e até gritava.
Depois ia embora tranquilamente e sem mágoas.
Preciso encontrá-lo novamente. Obrigada por me fazer lembrar.

Bjs no coração!

Nilce

Lúcia Soares disse...

Néia, lindo e profundo.
Acho que preciso encontrar esse lugar.
Nessa viagem, olhei muito a paisagem, procurei achar indícios dos moradores nelas, notei que lá no sul, como aqui nas minhas Gerais, muita coisa pode ser igual.
Mas melhor que encontrar esse buraco seria não precisar depositar nada nele...
Beijo!

Mayra Di Manno disse...

Néia,
Obrigada pela sua marcante visita em meu blog.
Amei o seu blog.
Só tenho a agradecer por ter me encontrado!
Um beijo,

Mahria disse...

Oi querida
Vim agradecer sua visita e comentário.
Muito obrigado.


Bjs
Mah

Meri Pellens disse...

Meu "buraco" é só a oração mesmo, sobretudo antes de dormir, eu desabafo tudo, entrego tudo aos cuidados de Deus. Um lugar específico nunca tive.
Beijos na alma, Néia.

Camila Monteiro disse...

Que delicia ler esse post, logo de manha! Voce colocou de uma forma que me deu vontade de visitar essse lugar, rs!
Tenho essas coisas com lugares tb, partes da minha cidde me encantam e outras me dao pavor so de passar! Deve ser energia, sei la!
Bem, vim retribuir a visita e ja me encantei com o teu blog! Nao sei se me segue la, mas vou te seguir aki pra nao te perder de vista!!!!

Beijos

Flor da Vida disse...

É amiga, você tem razão, temos que ter um lugarzinho assim pra descarregarmos as tensões do dia a dia... Agradeço-te a visita e comentário, amei estar aqui em teu aconchegante cantinho... Gostaria de me linkar a você, mas o link de seguidores não está aparecendo, não faltará oportunidade... Seja sempre bem vinda no Flor da Vida. Deixo a ti um abraço e meu carinho... Bjsss

Mônica disse...

Concordo com o Alexandre
Devemos ter um lugar para colocar nosso problemas e esquece-los.
Ou então visualizar que Deus está segurando eles pra nós e jogando fora.
Confiando sempre
com carinho MOnica

Mariazita disse...

Olá, Neia
Estou passando para agradecer sua visita a um dos meus blogs (LÍRIOS), e conhecer o seu espaço.
Devo dizer-lhe que gostei muito deste cantinho, senti-me cá muito bem.
Dei uma olhada e li, atentamente, o post do dia 9 - Ah! o amor é lindo! - que me encantou. E, se me permite, dou-lhe os meus parabéns, ainda que atrasados... É que um facto desses merece parabéns em qualquer altura.

O último post é também muito bom. Encimado por uma belíssima imagem, vai discorrendo acerca de atitudes que devem orientar a nossa maneira de estar na vida. Gostei muito.

Voltaremos a "ver-nos", espero.
Beijinhos

Wilma disse...

Ah Neia, adorei esse seu Vale do Sol Noturno, muito interessante, eu como você tenho também um "buraco", me recupero de qualquer estresse, maus pensamentos ao visualizar uma estrada ladeada por muito verde, vaquinhas, árvores coloridas, e etc, agora vou providenciar um nome também. A-do-rei!!!

Vozes de Minha Alma disse...

Minha amiga, quero agradecer tua visita e dizer que compartilho contigo no sentido de empurrar buraco abaixo, nossas depressões, nossas decepções, que realmente não nos tornará famosos, mas que fará um bem tremendo à alma, isso fará!
Bjs, um abraço.

Kell Alves disse...

Passando para retribuir um pouco do carinho e da atenção dedicados ao 'Para que nunca me esqueça'.
Muito obrigada pelo apoio.
E sobre o post: Eu tenho meu 'cantinho' tb. É um trecho lindíssimo de Mata Atlântica situada no caminho q faço todos os dias p o trabalho. Amo aquele lugar e sempre q o vejo é como se fosse a primeira vez.
te sigo tb :)

Mahria disse...

Oi querida
Vim te agradecer pela visita e comentário. Obrigado, volte sempre que quizer tá?

Bjs
Mah

Mônica disse...

Neia
Bom fim de semana pra voce. Nossas montanhas mineiras sempre vemos buracos, mas que servem pra nos lenmbrar que Deus existe.
com carinho MOnica

Flor da Vida disse...

Olá amiga, boa noite! Sim, agora deu certo, já a estou seguindo, ok? Deixo a ti um abraço e meu carinho... Bjsss

Prycila Patrício disse...

obrigada pela visita... lindo post... paisagem maravilhosa...