5 de jan de 2011

Pirlim Pim Pim

Houve um tempo em que meus textos eram sempre escritos na primeira pessoa do plural, o “nós” era uma forma de fugir do caráter pessoal, íntimo, considerava que o “eu” me revelava demais! Depois de um tempo a timidez foi dando adeus, aos poucos fui me soltando a ponto de mostrar não apenas quem eu era, também quem eu queria ser, cheguei ao ponto de revelar meus sonhos que até então eram segredos e as minhas vilanias...creiam, eu as tenho! ainda falarei sobre elas, hoje não, quero manter meus seguidores por mais um tempo.
Agora ao escrever não esbarro mais naquela questão: o que os outros vão pensar? Aprendi que devo temer apenas a minha consciência.
Mesmo ainda não sabendo bem qual é o meu caminho já percebo que o meu destino vai tomando boa forma.
Ultimamente meus sonhos me encaminham para bem perto da felicidade, não sei quando, onde e nem como, apenas tenho certeza que irei chegar.
Atropelo o tempo nessa vontade indômita de criar, ultrapasso os limites da inexperiência, sinto um rubor tomar meu rosto e uma pequenez diante do universo de palavras.
O ato de escrever é tal qual a paixão, abruptamente, toma conta da gente, queima, emociona, inquieta, dá um frio na barriga, mas sempre proporciona um enorme prazer.
Fico sem ar nessa avidez em escrever, tento atrelar paciência às minhas idéias, respiro fundo, seguro minha ansiedade, porém é tão difícil controlar as letras que escorrem por entre meus dedos, saem loucas formando sílabas, criando frases, esculpindo vidas.
No reino em que vivo, onde as histórias e estórias se fazem, a inspiração começa a fluir numa palavra mágica: pirlim pim pim, eis então que viajo no mundo mágico da imaginação, crio asas, voo alto, sem medo do que está por vir.




32 comentários:

Dora Regina disse...

Néia, eu também tenho esse hábito de usar o "nós", quando falo ou escrevo algo, mas depois que participei da "Oficina de Oração e Vida" estou aprendendo a usar o "eu", não posso responder por outras pessoas.
Um grande abraço!
Parabéns pelo texto.

Flor da Vida disse...

Amiga linda, e eu te aplaudo com veemência! Seja você mesma sem se importar se gostam ou não... Amei teu texto! Carinhos pra ti. Bjsss

Amelia Biagioli disse...

Tenha certeza que esse seu otimismo e lindas palavras irão prender por muito e muito tempo os seus seguidores...
Bjos!

Zé Carlos disse...

Néia querida e linda, discordo, vilanias você não as tem...
Vc é uma menina pacífica que nos encanta com seus escritos assim como sempre nos encantou a terra das Araucárias.

Beijos do ZC

José María Souza Costa disse...

Néia, parabens pela cronica quase interpessoal. Gostei demais. E estou grato por ter comentado em meu blogue, esse gesto apenas enobreceu, aquele espaço.
Abraços e fique com DEUS

Brechó Recicle Online disse...

Oi Néia! Muito prazer...Rs

Adorei o texto do seu perfil e este seu post tb!Se vc gosta de escrever, achou alguém que gosta de ler!

Voltarei sempre,viu?! Parabéns pelo seu trabalho!!

Bjs e Feliz 2011

Paulinha

Zéza disse...

Oi querida! Venho agradecer a sua visita e saio sempre encantada com seus escritos! Beijos azuis!

Daniele disse...

Isso não seria autoconfiança?
Confiança essa, conquistada com o tempo e a maturidade.
Fiquei curiosa para conhecer um poquinho da vilã. Seria a Dulce, que de repente sumiu do seu perfil?

Acho que a Dulce é vilã e a Neia é a mocinha...hahahaha.


Amiga, brincadeiras a parte.
Adoro teus textos!
Estejam eles na primeira pessoa do singular ou na terceira do plural. Não importa. Você é uma boa escritora.
Bj grande

Adelaide disse...

Néia, belas palavras, sabe que assumir o "eu" sempre acreditei mais fácil e menos oneroso...quanto as vilanias vc sabe que todo vilão é lembrado por muito mais tempo do que os mocinhos....está aí a História que não me deixa mentir......nas novelas e filmes sempre lebramos do malvado....rsrs....o mocinho somente alguns lembram. (essa é uma das injustiças do mundo...rsrs.)Por isso creia-me vc não perderá seguidores, talvez até ganhe alguns extras...rsrs.
Grande abraço

Assis Freitas disse...

porvir no pó de pirlimpimím, voo de paixão


beijo

Teresa Cristina disse...

Olá Néia, primeiro quero agradecer sua visita no Acolher com Amor e por estar seguindo. Escrever, falar, compartilhar tem sido muito bom. Deixar o Eu vir à tona é reconhecer a beleza e a dor de ser quem é. Adorei o seu espaço. Sigo-te. Beijocas!

Mônica disse...

Neia
Cheguei de Florianopolis.Achei tudo muito belo e grandioso.
Mas adorei o seu texto.
Voce pode sem medo criar porque tem talento e muitas histórias para nos contar.
Estou pronta para ouv-las.
com carinho Monica

Ronda disse...

Olá Néia,
Escrever é muito bom... com o passar do tempo, acredito que eu também vim mudando um pouco a forma e o conteúdo do que publico no blog... Acho que faz parte do processo de conhecer este mundo virtual.

Desejo muita saúde para você e sua família em 2011!!!

Nilce disse...

E é graças a esses seus voos sem medo, que você escreve textos maravilhosos e nos traz aqui, Néia.
Isso é muito bom. Eu adoro!
Você nos faz refletir muito. Obrigada.

Bjs no coração!

Nilce

Ana Paula Porto disse...

Oi Néia! Querida obrigada pelo comentário feito no meu textinho e meus parabéns pela forma simples e linda de escrever.
Beijos carinhosos!

Denise Portes disse...

Néia,
Eu acho que você deixou que a magia te tocasse, agora é que começa a ficar bom. No momento em que é a gente não tem mais como falar pelas palavras, as palavras vão dizendo os caminhos.
Boa viagem.
Um beijo
Denise

Chica disse...

Que maravilha teu texto...Tuas palavras saem e fluem lindamente e com todo o sentido sempre...beijos,chica

Camila Monteiro disse...

E eu vim mesmo... rsrsrs
Eu adoro ler teus textos, são tão inspiradores...
Adorei o post de hj como todos os outros.. beijos!

welze disse...

e eu vou com você em todas essas viagens. se me permitir é claro. adoro sua companhia, sua doçura e sua pessoa, seu eu. um abração minha linda.

Cáh disse...

Já eu deveria me envergonhar um pouco e passar a usar nós... rs


Não pare de escrever, é lindo...


Beijos

REINALDO FONSECA - PASCOM disse...

Olá Neia! Continue com esses textos maravilhosos,parabéns!!!! Grande abraço na Paz e no Amor de Cristo,

Reinaldo

meus instantes e momentos disse...

belo texto.
Parabens pelo blog.
Gostei daqui.
Maurizio

Mariazita disse...

Procurar a felicidade deve ser o objetivo principal nas nossas vidas.
Escrever é uma delícia. Eu adoro escrever! Acho que tomei o gosto logo que aprendi as primeiras letras :)
Escrever e ler (sou uma leitora compulsiva) são duas coisas muito agradáveis de fazer.
Vc escreve muito bem, lê-se com muito prazer; gostei imenso do seu texto.

Continuação de boa semana. Beijinhos

Sotnas disse...

Olá Néia, desejo que tudo esteja bem contigo!
Belo texto, você escreve muito bem, e, gostei deveras de ter vindo visitar-te no teu Eterno!
É bem isso que disse mesmo. No início ficamos preocupados com as reações dos amigos que vão ler, e iniciamos sempre um tanto tenso! Eu penso que é parecido com quando conhecemos o amor pela primeira vez, começamos cheios de dúvidas, receios e após algum tempo se torna quase que normal!
E quando gostamos do que fazemos então, sequer cogitamos de parar. É por isso que já ouvi dizer que escrever e amar é só começar! Devo dizer que me fez deveras feliz com sua visita. Sendo assim nada mais justo e educado eu retribuir sua estada lá no sotblog, e eis que cá estou, e já com sérias intenções de tornar este ato um vício, isto é, desejo retornar mais vezes! Claro, se não considerar inoportuno este meu retorno sempre que possível. Não prometo vir diariamente, entretanto terá notícias minhas, e assim me torno mais um Eterno feito seu belo espaço, de belos textos e por demais agradável de se visitar! E assim me despeço desejando pra você e todos ao redor iluminada existência, repleta de saúde, amor e muita paz também, agradecido pela tão amável visita e comentário, grande abraço e até mais!

BIA disse...

Oi Néia!!!
Primeiramente quero agradecer a sua visita e retribuir com o maior prazer e segui-la tb. Cada dia mais eu me surpreendo com blogs incríveis cada um com sua personalidade. Tudo o que tu falastes no teu perfil é exatamente como eu penso, assim é o meu ponto de vista, tem toda a razão, realmente eu adorei cada palavra, parabéns!!!Aproveito para te desejar um Feliz Ano Novo e que seja um ótimo ano e que tu realizes tudo o que mais quer!!!
Bjus
Bia

Regina Laura disse...

Néia querida, quanto mais você perde a timidez e se mostra, permitindo-se voar nas asas do sonho e da imaginação, mais encanta!
Um salve ao pirlim pim pim :)
Adorei o texto. Suave e sincero...
Beijão

" ESSÊNCIA ESTELAR MAYA " disse...

Néia querida...

Que Deus continue abençoando cada vez mais seu dom com as palavras.
E não se preocupe com seus seguidores, pois tenho certeza que quem te segue é porque já se sintonizou com sua personalidade verdadeira. Uma personalidade que não ousa em medir as palavras apenas para agradar alguém, mas que mostra de Corpo e Alma a sua verdadeira Essência.

Que sua varinha de condão continue te inspirando muito, pois este é o nosso maior presente.... "Suas Palavras"

Beijo grande em sua ALMA!

orvalho do ceu disse...

OI, Néia
Passo,com calma,pra desejar-lhe um Novo Ano cheio de paz e prosperidade em todos os sentidos...
Cheguei hoje de viagem...
As minhas férias foram deliciosas... Ficar juntinho dos filhos e netos é tudo de bom!!!
Bjs com gostinho de início de ano

Pai do Coração disse...

Rs...não quero acreditar que você vai me inspirar a escrever sobre minha sogra...rs

Leci Irene disse...

Oi, Néia!!!!!!!!!! Que bom voltar das férias e encontrar coisas lindas para ler!
Mas, sabes que ainda hoje eu penso no que os outros vão pensar e acabo podando meus escritos!!!!!!!!!

Daniele Barizon disse...

Escrever é o máximo, é transcerder os limites da realidade! Muito bom. Sigo o blog.

Abs,

LILIANE disse...

Néia, "coisinha linda"
Eu quero dizer que gosto muito de você.
Eu quero dizer que você transmite paz e calma através do que escreve
Euzinha aqui, quero dizer que o seu "eu" é meigo, doce, extraordinariamente encantador.
Que delícia foi tê-la conhecido, rsr
um abraço gigante de eu pra você