21 de mai de 2011

O mundo aos olhos do artista

O dia nem sempre começa quando o sol se levanta, para o amante da arte, o amanhecer é apenas um detalhe, as horas, os minutos, os segundos avançam e até bailam conforme as batidas do coração. Nada pode conter esse ritmo que, unido ao talento, mantém a vida e a deixa mais impetuosa e bonita.
Coisa alguma passa despercebida a quem nos olhos consegue trazer todas as cores, aquelas em que o mundo precisa ser visto e faz de pequenos detalhes, como um traço, uma palavra ou até mesmo uma emoção incontida o toque final que dá o melhor tom na tela da vida.
Quem da arte sobrevive, aprende que criar vai muito além de uma mera inspiração, é olhar incansavelmente para dentro de si mesmo, num exercício contínuo, prazeroso e infinito. O fluir das ideias é tal qual o ar puro que tem o poder incomparável de revigorar os pulmões, oxigenar a alma e num suspiro é capaz de trazer à tona o que se leva no mais íntimo.
E quando a voz soa num lamento ou numa alegria explícita é ele, o artista, que, no palco, nas notas ou numa melodia, traduz o que de melhor há em si.
O amor jamais será esquecido, a felicidade se fará nos lugares mais inesperados, a palavra não vai se calar nunca, a sensibilidade estará sempre aflorada onde a arte se fizer presente, só ela pode fazer de uma ocasião qualquer, o melhor momento da vida.
Um dia, quando por razões inerentes ao destino, as pálpebras caírem para sempre, até mesmo esse fatídico momento não será o fim, uma nesga de silêncio se fará apenas por alguns minutos, pois até mesmo a morte, com todos os seus requintes de crueldade e tristeza, far-se-á se medíocre diante da eternidade das obras de um artista.

(Esse texto faz parte do projeto "Dois Olhares" de Néia Lambert e Denise Portes)



Direitos Reservados

31 comentários:

Anônimo disse...

Oi Néia!
O artista traduz a vida na sensibilidade de sua obra e nela se eterniza. Você com seus belos textos e poemas certamente terá seus momentos etenizados nestas palavras. Belas palavras!
Grande beijo e ótimo final de semana.
Valéria(ahdoqueeugosto.blogspot.com)

Estou assinando como anônimo pois não consigo fazer login no Blogger!Já pensou?!

✿ chica disse...

Que maravilhoso isso,Néia! Sensibilidade à toda prova...belo projeto!

beijos,ótimo fds,chica

Misturação - Ana Karla disse...

Que beleza Néia!
Concordo com Chica, a sensibilidade está a mil.
Bom final de semana
Xeros

BIA disse...

Oi Néia!!!

O que seria do mundo sem a arte? Este dom que poucos possuem e que traz cores e sensações para quem o aprecia, contemplar uma bela obra de arte é viajar ao sublime.
Um ótimo fim de semana!!!
Bjus
Bia

Denise Portes disse...

Néia,
Eu ando muito feliz com esse nosso projeto, com a sua sensibilidade de transformar em palavras as coisas do coração.
Beijos
Denise

Debbie disse...

Você escreve tão bem!! Parabéns!!=)

Maria Luiza disse...

Eu fico pasma com a beleza da sua arte de escrever. Que encanto ficar lendo. Adoça a minha alma que se deslumbra perante qualquer arte. Parabéns, Néia! Todas as bênçãos de Deus para você e seu talento, dom Dele a você! Bjbjbj!

margoh werneck disse...

Que texto mais amoroso!
Me emocionou.
Vc é uma linda!
Que seu sabado seja bem gostoso.

Beijo

Sonhadora disse...

Minha querida

Para os artistas não há noite nem dia...há apenas momentos intensos...momentos de criação, adorei o tex to e deixo um beijinho.

Sonhadora

Maria Célia disse...

Ei Néia
Os artistas serão sempre eternizados através das obras deixadas.
Como você disse, nem mesmo a morte se prostrará diante do belo.
Bjo e boa noite.

Cacá - José Cláudio disse...

É esta sensibilidade e sua transformação em arte que vem salvando a humanidade da barbárie ao longo da história, no meu entender. Belíssimo texto, Néia! Meu abraço. Paz e bem.

Louro Neves disse...

A arte é, para muitos, uma razão para viver. É na arte que podemos, sem maiores consequencias, extravasar nossas agonias e decepções para com a vida; é a arte-terapia.

Mara Melinni disse...

Lindo, lindo... texto com toques de sensibilidade e infinita inspiração! Parabéns pela busca incessante, prova de que a arte é um dom em sua vida!

Beijosss

Vivian disse...

Bom dia,Néia!!

Que texto fantástico!!!Aos olhos do artista os pequenos detalhes ganham destaque...salientando o que aos olhos comuns passa despercebido...
Lindo projeto!!Boa sorte!
Beijos.
Lindo domingo!

Betha Mendes disse...

Na verdade, Néia, como você diz, o artista sente-se feliz ao criar, o momento torna-se o mais belo. Acredito que, quando cria, o artista deixa um mundo de presente! Um belo texto...

bjs

Betha

Nilce disse...

Oi Néia

A arte eterniza os homens e todos os seus sentimentos.
Parabéns pelo texto maravilho e sensível.

Bjs no coração!

Nilce

Evanir disse...

Seu texto é lindissimo inspiração a flor da pele.
Uma linda tarde de Domingo amiga querida,beijos meus,Evanir..

www.aviagem1.blogspot.com

Mariazita disse...

Olá
Venho trazer um recadinho:
Na «CASA DA MARIQUINHAS» há um selinho à tua espera…
Gostaria que fosses buscá-lo.

Voltarei tão cedo quanto possível.
Boa semana. Beijinhos

Kell Alves disse...

Ai meu Deus que lindo!
Saber usar as palavras assim, de maneira tão leve e tão tocante ao mesmo tempo é um dom que está em vc.
PS> Conte mais sobre esse projeto.
B'jo e semana boa pra gente.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Néia
O artista vê o mundo com a alma, por isso muitas vezes não entendemos sua obra. Seu olhar transcende o real, vai muito além do palpável.
Tenha uma linda semana
Bjux

welze disse...

que texto delícioso minha querida. adorei. boa semana

Claúdia Luz disse...

Boa noite !!

Fiquei encantada com seu texto,não deixei passar meu post de hoje foi em homenagem a arte e seus artistas!! Desejo a você o que todo ator sonha em estreia MERDA!! Só assim o sucesso estará garantido !!

Uma semana de muita PAZ !! Mil beijos!!

Vivian disse...

Bom dia,Néia!!

Deixo um beijo e votos de uma ótimo dia!!

Anônimo disse...

Olá, Néia
Tenho que votar como Anónima porque não consigo fazer o login no meu blog. Espero que isto não signifique uma avaria como tive há uma semana atrás...
Como é habitual deliciei-me a ler o seu texto. Acho que vc escreve muito bem, explana lindamente as suas ideias. Gostei muito!

Muito obrigada pelas suas palavras lá na minha «CASA».

Boa semana. Beijinhos
Mariazita

Mônica disse...

Neia que interessante!
Duas pessoas escrevendo e ficou espetacular.
O amanhecer é propicio para muitas coisas inclusive escrever.

ivani disse...

Oi Néia, que texto lindo!
Obrigada pela visita em nosso blog.
Fique com Deus e com a proteção de Santo Antônio. Adorei saber que você faz aniversário no dia do nosso querido padroeiro.
Quanto à festança por aqui, é muito boa mesmo.
Bjos!

Sotnas disse...

Olá Déia, que tudo esteja e permaneça bem contigo!
Belo e verdadeiro texto. O artista como ser humano se vai, porém sua obra que é feita com toda alma permanece, posto que a alma seja imortal!
Belos escritos de reflexão por aqui Déia, além das belíssimas imagens postadas, e que expressam toda a sua sensibilidade. Também te sou grato pelas visitas e sempre tão gentis comentários, desejando assim a você e todos ao redor intensa felicidade, um grande abraço, e, até mais!

Elcio Tuiribepi disse...

Oi Neia...

Concordo contigo, esta semana mesmo num blog de uma amiga onstatei isso por intermédio da arte do avô dela...pouco antes de falecer escreveu um poema sobre a morte...um epitáfio...o senhor Antonio Almeida era um artista multiplo...fazia painés em prédios, muros, esculturas, entalhes, poemas e poesias...a neta dele esta tentando salvar a obra do avô...eles são do Maranhão...enfim...
Belo texto amiga...
Um abraço na alma
Beijo

Adelaide Araçai disse...

Que bela tradução da arte, pois quando em processo de criação não se tem hora, fome ou sede, apenas a criação sacia tudo...por horas intermináveis...
Abraços

C. disse...

Você escreve fácil Néia, deixa fluir a veia artística e nos presenteia com isso.

Beijinhos!

Socorro Melo disse...

Néia,

Fico encantada com esse jeitinho que você tem de nos transmitir coisas tão belas.
Gente! "A Arte onde se fizer presente, faz de um momento qualquer, o melhor momento da vida", A M E I.

Um grande abraço
Socorro Melo