28 de jun de 2012

Desapego

                                       
                                                Ao abrirmos mão, sem barulhos ou traumas,
                                                        de coisas, hábitos obsoletos
                                                            e até mesmo pessoas,
                                                               alcançamos então
                                                                  o sentido real
                                                                  do desapego!





  Direitos Reservados

30 comentários:

✿ chica disse...

É um longo e lindo processo de aprendizado esse...beijos,tudo de bom,chica

Maria Célia disse...

Bom dia, Néia
Lindo, e é isto mesmo que acontece conosco, quando conseguimos nos desapegar de coisas que nos atrapalhavam e não tínhamos consciência deste fato.
Beijo.

SHEYLA -DMulheres disse...

Néia
Eita, lindos versos, tudo aprende e aprendido com o passar do tempo.

bjokas e boa quinta

Majoli disse...

Néia, estou precisando urgentemente aprender a lidar com o desapego, porém confesso não estar sendo fácil.
No momento, em relação a distância que existirá entre eu e meu filho mais velho, que irá estudar em Belo Horizonte...sei que será um processo bem difícil.

Amei a imagem escolhida.
Beijos com carinho.

Mery disse...

"O sentido real do desapego"...
Essa mensagem e a imAgem dizem tudo;
Embora não seja muito fácil desapegarmos de pessoas q amamos. Em alguns casos *Dói!
lindo post!
beijo.
Bom dia!

Carla Ceres disse...

Boa dica! Vou colocar em prática. Beijos, Néia!

Vera Lúcia disse...

Olá Néia,

É um processo lento de aprendizado, mas que traz bons frutos quando assimilado. O apego traz sofrimento
desnecessário.

Imagem perfeita para o foco do texto.

Ótimo dia!

Beijo.

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

e como é bom desapegar! deixar ir o que não tá bom, o que não serve mais.

adorei!
bom dia pra vc, querida Néia

BIA disse...

Olá Néia!!!

No decorrer da vida é um constante aprendizado lidar com o desapego... pior são para os excessivamente materialistas...
Uma boa tarde pra você!!!
Bjs :)

Camila Monteiro disse...

E descobrimos também o querealmente conquistamos!
Aprendi iso já! rsrs
Beijos!

Socorro Melo disse...

Oi, Neia!

E o apego é, com toda certeza, uma escravidão.

Posso dizer que estou bem nesse quesito, pois, não me apego muito a lugares, pessoas, coisas...

Pessoas eu amo, e o amor, não precisa de apegos.

Só tenho um apeguinho, que ainda não consegui me libertar: meus amados livrinhos, rsrs

Beijos
Socorro Melo

Valéria disse...

Oi Néia!
Linda mensagem!
É verdade, o desapego nos torna livres, é uma senasação de estar atenta só ao que é essencial.
Beijinhos!

Clau disse...

Olá Néia :)
Que lindo esse pensamento.
E o desapego dá uma sensação de leveza,é tão bom...
Não é um processo que ocorre da noite pro dia,mas é um exercício que vale a pena treinar.
Bjs!

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Conseguir alcançar o desapego é sinal de evolução. Com certreza. beijos.

José María Souza Costa disse...

Não é fácil, esse sentimento.
Desapegar-se, é uma arte.
Felicidades, pra voce

Maria Alice Cerqueira disse...

Lindo
abraço amigo
Maria Alice

Maria Alice Cerqueira disse...

Lindo
abraço amigo
Maria Alice

Lidi Horácio disse...

Oiee te encontrei na blogosfera..
Adoreiii seu blog..
Tô te seguindo.

Me visite tbm:
http://lidiepaulo.blogspot.com.br


Beijocas :*
Ótima Noite ")

BIA disse...

Oi Néia!!!

Vim falar sobre o clima... por aqui também está como aí... uma temperatura ótima!!! Hoje nem parece inverno... ontem deu para colocar todas as roupas na máquina e secar tudo... até parecia um dia de verão, mas aqueles dias maravilhosos de verão com temperatura entre 25 e 28 graus, pra mim a temperatura perfeita, porque eu sou muito friorenta e o calor realmente não me incomoda mas o frio sim... mas é como você sempre diz nem demais nem de menos né?
Nem é preciso dizer que adoro todos teus comentários e a maneira como você vê a vida, acho que já disse isto várias vezes, certo? Mas nunca é demais repetir o que é construtivo. Também amo as comidas de inverno mas no ano inteiro eu como estas delícias, inclusive sorvete eu tomo o ano inteiro no inverno e verão(rsrs).
Tb acho que a felicidade esta em nós!!!
Tenha um abençoado fim de semana!!!
Bjs :)

Mônica disse...

Neia
Desapegar é tao dificil!
Agora é que estou vendo pois estamos frequentando três casas ao mesmo tempo. Tem momentos que nao sei onde estão as minhas coisinhas, os livros que gosto, as fotos que coloco no blog, as linhas pra bordar.
E depois eu consigo fazer tudo sem o que quero por perto.
com carinho Monica

Tetê disse...

Desapego... aprendizado difícil! É sempre doloroso abrir mão do que amamos... Bjks e bom final de semana! Tetê - Livre Pensamento

Suzy Rhoden disse...

Querida Néia,

Acredito que a vida tem me ensinado exatamente isso: desapego! Sem que isso signifique desamor... Mas nada de prender, de grudar, de sufocar! Nem em relação aos objetos, e muito menos no que diz respeito às pessoas...
Adorei a ideia do "sem barulhos ou traumas"! É isso o que faz toda diferença, com certeza!

Um beijão, minha querida! Seus posts são bálsamos para os meus dias, há muita sabedoria aqui!

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Néia. É verdade. O desapego é uma questão evolutiva, que quando conseguido só aprimora o nosso espírito.
Lindo.
Saudades de você no meu espaço.
Tenha um fim de semana abençoado.

Mara Melinni disse...

Néia!

(já estava c/ saudade daqui!)

O desapego é algo que considero muito difícil... mas é como vc disse, é preciso saber abrir mão...!

A vida guarda sentidos dentro de nós e é isso o que importa.

Obg por estar sempre presente.

Beijos e um lindo fim de semana!

Misturação - Ana Karla disse...

Difícil é desapegar, mas nobre.
Néia, estou um pouco afastada do blog, mas vim te "ver".
Xerossssss

Gaby Soncini disse...

Muita coisa é preciso desapegar.

Beijos Néia!

Gaby Soncini disse...

Muita coisa é preciso desapegar.

Beijos Néia!

Adelaide Araçai disse...

Isso é um exercicio diario e deveras dolorido nas primeiras vezes, mas totalmente necessario para um viver melhor.

Muita Luz e Paz
Abraços

Vivian disse...

Bom dia,Néia!!!

Tenho trabalhado muito o desapego(a algum tempos...)e como faz diferença!!!Não é fácil...e pede manutenção constante!Tudo começa com a aceitação.Quando começamos a aceitar que não somos donos de nada,nem de ninguém, que guardar sentimentos negativos, é conservar lixo na alma,sentimos a urgência de praticar o desapego!Só faz bem!!
Beijos!!!

Elisa T. Campos disse...

Lindo Néia.

É sempre bom praticar o desapego. Em quantas e quantas coisas nos apegamos e não conseguimos largar.

Bjs.