29 de mar de 2012

Eterna saudade


Há dias em que algumas lágrimas umedecem,
involuntariamente, os meus olhos.
Saudade de pessoas próximas que traziam no olhar
uma mescla de paz e segurança.
Não estão mais por aqui, no entanto, ficaram
como uma lembrança perfumada na minha memória.


Direitos Reservados

26 de mar de 2012

Pequenas coisas


Para cada dia da semana um propósito a ser cultivado,
o de hoje é não abrir mão das pequenas coisas
que deixam a vida mais agradável: um sorriso,
um agradecimento, um gesto delicado.


Direitos Reservados

22 de mar de 2012

Manhã de luz!


Acordei procurando algo que me distraísse o pensamento,
com as pálpebras semicerradas,
vi-me a cantarolar bem baixinho
o refrão de um velho e lindo cântico:
“O meu Deus é o Deus do impossível...”
Sentindo-me tal qual uma criança embalada no colo
desejei esticar, infinitamente, aquele terno momento.
Deixei-me absorver por uma paz que de tão inteira
desfez, imperceptivelmente,
as rugas que entre os olhos eu trazia.
Assim como o sol que todos os dias
precisa nascer para brilhar,
coloquei-me em pé rapidamente,
um sorriso voltou então a brincar,
serenamente, no canto dos meus lábios.


Direitos Reservados

19 de mar de 2012

Flor ou espinho?

Um dia você é doce ou então o próprio gosto do fel,
às vezes é flor ou, até mesmo, um espinho dolorido,
é o mais querido ou o menos amado,
o ouvinte preferido ou uma companhia irritante,
um bom conselheiro ou nada mais que um mero palpiteiro.
Você é visto, de um jeito ou de outro,
conforme o nível de stress dos que falam contigo.


Direitos Reservados

15 de mar de 2012

Chuvisco


Acordar com mansos pingos de chuva no telhado,
abrir a janela e sentir um abraço suave do ar puro
que corre lá fora,
bom sentir a natureza, logo pela manhã, intervindo com delicadeza.
Bendita água que do céu vem lavar as almas,
recobrar ânimos e florescer todos os jardins!


Direitos Reservados

12 de mar de 2012

Quando a história é boa, ruim é chegar ao fim!

      Ler um livro é um ato, para mim, agradabilíssimo, no entanto, em se tratando de uma obra admirável sofro os tormentos de quem se apaixona pela história de tal forma que, já à metade, desejo que ela não se acabe.
      Então, numa tentativa de prolongar ao máximo esse passatempo prazeroso, diminuo o ritmo e leio cada palavra demoradamente, releio algumas frases e estico visualmente os parágrafos. Analiso tão completamente os personagens, física e psicologicamente, a ponto de conhecer os segredos e vislumbrar o destino, feliz ou triste, de cada um deles.
      Viajo de tal forma com o enredo que não me é raro uma lágrima furtiva, um sorriso perdido no ar, uma expressão de espanto ou até mesmo um suspiro prolongado, é a emoção não permitindo, em momento algum, que eu seja uma leitora fugaz.
      Da metade em diante, virar cada página vai se tornando um gesto hesitante, luto contra a perspectiva de chegar ao epílogo que, nada mais é, que o começo do fim.
      E quando os dedos não encontram mais laudas a serem folheadas, sou tomada por uma súbita pontada de angústia, queria mesmo nunca chegar ao ponto final.
     Aos poucos, no entanto, meu espírito se acalma, é o incrível efeito terapêutico que toda boa leitura é capaz de provocar.


Direitos Reservados

8 de mar de 2012

Mulher


Encarar desafiadoramente os seus ideais;
intervir com delicadeza ao resolver os imbróglios do dia a dia;
manter firmeza de espírito nas intempéries mais cruéis da vida;
independente da idade, cultivar aspirações de um coração jovem,
sem, obviamente, perder o senso da realidade e do ridículo;
zelar pelo seu caráter
como uma mãe que cuida devotamente do filho.
Essas são algumas características que esculpem a alma
de uma mulher vitoriosa e altiva!





Direitos Reservados

5 de mar de 2012

Hoje


Que eu não me arraste, melancolicamente, para o passado,
nem ouse adivinhar as eventualidades futuras,
quero apenas viver, com espontaneidade,
o momento que passa.



Direitos Reservados

1 de mar de 2012

Lente


O olhar perceptivo e discreto
age como uma lente de aumento,
sem maiores transtornos,
capta o inimaginável!


Direitos Reservados