7 de nov de 2013

Despertar



Nem sei há quanto tempo
que, no princípio da aurora,
ele insiste em me despertar.
De alguma árvore ou gaiola
sem guitarra ou viola,
canta para alegre eu levantar.
De olhos meio abertos,
espreguiço, agradeço e digo:
Bom dia sabiá!







Direitos Reservados

11 comentários:

✿ chica disse...

Aqui também sou despertada assim,Lindo,adoro e é um modo maravilhoso de saudar o dia! beijos,chica

BIA disse...

São lindos estes pássaros Néia... por aqui tem muitos... lindo de ver e ouvir...
Em relação a educação o importante é cada um de nós fazer sua parte e na urna colocar a resposta certa... quanto mais informação e conscientização melhor... pior é não fazer nada...
Bjs :)

ᄊム尺goん disse...

Que delicia!

Um coração jubiloso está muito próximo das estrelas...


Beij0

Maria Célia disse...

Oi Néia, que lindas suas palavras, despertar desta maneira é muito gostoso.
Beijo

Clau disse...

Oi Néia :)
Deve ser muito agradável
despertar,ouvindo uma melodia
entoada por um sabiá!
Bjs!

disse...

Bom dia!

Sotnas disse...

Olá prezada Néia, e que tudo esteja bem!

É um cantar insistente, não me parece alegre, e por vezes imagino ser uma melodia triste, e mais triste fico quando vejo pessoas desejando ver esta ave desaparecer, ou calar o seu triste cantar para sempre.
Talvez estas pessoas não entendam que o cantar deste pequeno ser vivo, não é apenas por querer, e sim da vida um presente!
Belo poema e linda imagem como sempre encontro todas as vezes que cá compartilha estes teus pensamentos, sempre belas escolhas!
E eu grato por tua amizade e também por tuas gentis visitas e comentários desejo que seja sempre tão intenso de felicidade o teu viver, e deixo um grande abraço e, até mais!

Camila Monteiro disse...

Ai eu tenho um desses que canta loucamente pertinho da minha janela as 5:30 da manhã! É muito gostoso.

Beijo!

Lourdinha Vilela disse...

Quando estou lá na roça, em Minas, eu também tenho esta alegria.
Aqui na cidade, são os pardais.
Nada substitui a alegria de conviver com a natureza e a sensação de que ela nos devolve muito do pouco que possamos fazer por ela.
Um belo e sensível poema.
bjs

Elisa T. Campos disse...

É tão bom despertar com o canto do sabiá.

Lindo Néia.

Postei também no FB um tanka com a foto de um bem-te-vi:

Céu nublado
o canto do pássaro
alegra a manhã

um refrão ao longe
bem-te-vi, bem-te-vi

Linda semana para você.
Bjs

Vera Lúcia disse...


Delicioso modo de despertar, Néia.

E seu texto é um encanto.

Beijo.