2 de jul de 2016

Bons tempos!





        O cotidiano agitado de muitas pessoas, aliado a uma personalidade difícil, cria uma muralha defensiva gigantesca. Não há tempo para ouvir ou, simplesmente, prestar atenção no que o outro está a todo instante tentando dizer, mostrar. Dar espaço para que se possa aprender com aqueles que nos rodeiam é, atualmente, uma virtude rara, praticamente, um esforço titânico. Quanta saudade dos dias em que a vida era mais simples, a boa e fiel convivência era o principal, senão o único, projeto de vida.


Direitos Reservados

4 comentários:

✿ chica disse...

É bem verdade,Néia! Há pessoas que nem mais sabem escutar o outro...Pena! Perdem todos! bjs, chica

Sandra Sofia disse...

Bons tempos seriam aqueles em que não existiam as doenças graves que existem agora!! Bons tempos eram os tempos do antigamente,pelo menos,é a minha opinião!! Beijinhos e excelente semana!!

Maria Célia disse...

Oi Néia
Falou muito bem e com propriedade, saudade do tempo que a vida era mais vagarosa, o mundo não nos exigia tanto, aliás, praticamente não nos exigia quase nada.
Beijo

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Perfeito, Néia. Tem uma música final dos anos 7o que diz: "As pessoas não se falam mais...". Se naquele tempo o compositor já viu assim, imagina hoje com tanta tecnologia, com tanta informnação( informação???). Parabéns!